Silo antigo em cidade da Dinamarca é transformado em edifício residencial

A estrutura das escadas e dos elevadores do antigo depósito de grãos foi mantida

Boa parte das cidades dinamarquesas conta com silos em seus arredores ou até mesmo em suas áreas urbanas. A maioria deles, porém, está desativada. Esse era o caso do bairro de Løgten, no setor norte da cidade de Aarhus, onde um antigo silo foi transformado em um edifício residencial com 21 apartamentos de acordo com projeto do escritório CF Moller, sediado em Copenhague.

Alternativa ao padrão de expansão urbana praticado na Europa, onde predominam conjuntos de casas e edifícios residenciais que seguem modelos preestabelecidos de planta e acabamento, a proposta reúne imóveis com espaços generosos e plantas que nunca se repetem, distribuídos em tipologias como penthouses e duplex, além de apartamentos de um pavimento, todos com dois dormitórios.

A estrutura das escadas e dos elevadores, assim como a laje da cobertura, são originais do antigo depósito de grãos. Ao redor desse corpo foi configurada a edificação, onde os apartamentos estão construídos sobre um novo vigamento de aço. A volumetria projeta-se para fora, em busca da luz e das vistas para paisagem. “O resultado assemelha-se a um conjunto de tijolos Lego”, explica o arquiteto Mads Moller, sócio-fundador do CF Moller.

Como igrejas ou moinhos de vento, os silos se destacam na paisagem rural e além de preservar a memória, a solução garante o uso da área construída disponível.

A protuberância dessa estrutura fornece generosos terraços e vistas para a Baía de Aarhus e para a cidade. Ao mesmo tempo, todos os apartamentos contam com iluminação natural durante a manhã ou a tarde, dependendo da fachada para onde estão voltados, norte ou sul. Como o silo ocupa um platô, todas as unidades tem visuais privlegiadas do entorno, mesmo nos andares inferiores.

No nível térreo do empreendimento, uma praça pública e um estacionamento conectam o edifício a um centro comercial com lojas, supermercado, além de residências do tipo sobreloja.

A relevância urbana do antigo silo foi mantida – ele ocupa uma área cercada por campos e é a única edificação da cidade com mais de cinco andares. De acordo com os arquitetos, o cliente queria preservar esse elemento emblemático na paisagem, mas principalmente garantir a continuidade da área construída disponível, que seria perdida caso a estrutura principal do silo fosse demolida.

Em um dos lados do edifício, a estrutura original do silo foi mantida à vista, para que, no futuro, novas gerações possam ter acesso à memória local. “Em áreas de tradição rural como esta, os silos têm uma importância cultural e histórica tão grande na paisagem quanto os moinhos de vento ou as torres de uma igreja”, conclui o arquiteto.

Em um dos lados do edifício, a estrutura original do silo foi mantida à vista. A volumetria projeta-se para fora, em busca da luz e das vistas para paisagem.

O edifício ocupa uma área cercada por campos e é a única edificação da cidade com mais de cinco andares

Fonte: ArcoWeb
Anúncios

2 responses to “Silo antigo em cidade da Dinamarca é transformado em edifício residencial

    • E é uma proposta super interessante não é mesmo? Reaproveitar um antigo silo, fazendo novas moradias sem esquecer da história do local… Muito bom mesmo!

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s