Cimento “transparente” deixa luz do sol entrar em prédios

Entrada de luz solar diminui consumo de energia elétrica nos edifícios sem prejudicar estrutura.

Uma empresa de arquitetura da Itália desenvolveu um “cimento transparente” que permite que a luz solar penetre nos ambientes, transformando as paredes em janelas gigantes.

Entrada de luz solar diminui uso de energia elétrica nos edifícios.

O material foi batizado de i.light e tem centenas de orifícios minúsculos que permitem a entrada da luz sem comprometer a integridade da estrutura do edifício. Se observados de perto, é possível ver os pequenos buracos de 2 ou 3 milímetros, mas quem olha de longe tem a impressão que a parede é transparente.

A tecnologia já foi testada em um edifício, o pavilhão italiano da World Expo em Xangai, no ano passado. Segundo a Italcementi, empresa que desenvolveu o produto, o uso do cimento perfurado pode economizar a mesma quantidade de energia que é economizada durante o horário de verão na Europa.

Cimento transparente permite que luz “atravesse” a parede

No pavilhão italiano da World Expo, 40% da parede de 18 metros de altura foi composta pelo “cimento transparente”. O produto já foi patenteado pela empresa italiana, que afirma não ter planos de exportar a inovação para outras partes do mundo a curto prazo.

Resta saber se pelos micro furos não passa água também né? Mas a ideia é muito legal!

Fonte: Revista Galileu

Advertisements

5 responses to “Cimento “transparente” deixa luz do sol entrar em prédios

  1. Já que vc reclamou que eu não comento…
    Enquanto eu lia eu pensei na mesma coisa que vc comentou: será que não passar água pelos orifícios?

    Gostar

  2. há outro dilema também, que é o da transmissão de calor, o que ocorre em iluminação natural com área envidraçada também. a luz solar aquece os ambientes, e acaba aumentando a conta de ar-condicionado no verão. entretanto, se é ar que preenche os furos, e ar é bom isolante térmico, parece ser uma boa. mas, diabos, os furos atravessam o material de uma extremidade à outra? ou será que as camadas internas são finas o suficiente para que a luz as atravesse?

    Gostar

    • Pois então…também fiquei curioso pra saber isso…a matéria não é muito completa. Acredito que os furos atravessam todo material, talvez pela espessua a água não consiga entrar no prédio, não sei.
      Acredito que o ganho térmico não seria muito alto, pois não é um luz direta do sol que entra no ambiente, já que ele aquece a parede com ou sem micro furos também.
      Bem provável que seja ar dentro dos furos, o que aumenta o isolamento. Com uma fina película para deixar a chuva com vento pro lado de fora, essa ideia torna-se viável.

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s