Residência em forma de concha de Kotaro Ide

Arquiteto:  Kotaro Ide // ARTechnic Japan
Local:  Karuizawa, Nagano // JAPÃO
Tipo de projeto:  Residência privada
Assistentes: Moriyuki Fujihara, Ruri Mitsuyasu, Takashi Mototani, Kenyu Fujii
Colaborador: Manami Ide (designer dos metais customizados)
Engenheiro estrutural: Naomi Kitayama / NAO
Engenheiro mecânico: Hiroshi Nakayama / TNA
Engenheiro elétrico: Jyunetsu Satou / EPS
Contratante: Kenji Kusunoki / GIKAKU
Data de término:  2008
Estrutura:  Concreto armado
Área do terreno:  1,171 m2
Área total dos pavimentos:  329 m2
Fotografia:  Nacasa & Partners Inc.

Novas abordagens de projetos arquitetônicos são sempre interessantes, não importa quando elas são apresentadas pela primeira vez. Um desses projetos é a casa “concha”, feita pelo arquiteto japonês Kotaro Ide da ARTechnic. O projeto, concluído em 2008, tem uma estrutura escultural em forma de concha e foi construída na floresta de Karuizawa, localizada em Nagano, no Japão.

Essa estrutura de dois andares, em forma de concha, se faz distinta das cavernas e rochas a sua volta e claramente não faz parte da natureza. Entretanto, sua forma orgânica parece se misturar com a floresta, e a estrutura de concreto armado se torna uma só, hamonizando-se com o entorno. O cliente queria uma residência que fosse ocupada somente nas férias, com visitas frequentes e que fosse usada ainda por muitos anos. Qualquer que fosse o design, ele deveria co-existir com a natureza. “A existência da estrutura depende do poder de resistir a natureza”. A clara distinção entre os espaços (natureza X estrutura) evoluiu a residência para um abrigo – a casa seria abrigada pela natureza e utilizaria o que a mesma pudesse oferecer. Assim, o uso da residência seria mais frequente e integrada com os usos do seu entorno.

As baixas temperaturas em Karuizawa e a alta umidade atingem níveis muito altos fazendo com que o clima seja bem duro. Como resultado, as casas na mesma área – com tradicionais estruturas e construções – estão enfrentando graves problemas de deteorização. Com isso em mente, o arquiteto teve a ideia de uma grande estrutura que flutua sobre o chão, construída de concreto armado. Vendo como exemplo outras vilas nas áreas próximas que não eram usadas há muitos anos, Kotaro Ide tentou evitar o uso de estruturas tradicionais e materiais usados nessas construções. O uso de concreto armado na residência ajudou a proteger a mesma da alta umidade e do frio.

O exterior da casa é envolta em uma estrutura em forma de concha, acabado com selante para concreto, que contrasta com o verde da paisagem. Um deck de madeira foi feito no pátio, enquanto um pequeno anfiteatro foi criado no centro da casa ao redor de uma árvore já adulta. Grandes aberturas de vidros duplos permitem a vista ininterrupta da natureza de dentro da residência.

O interior da residência segue a mesma linha do exterior; paredes curvas e não alinhadas fazem parte do projeto. Todos os móveis foram projetados para se adequarem ao design da estrutura original. Os arquitetos prestaram bastante atenção aos detalhes para proporcionar conforto e performance para a casa.

Assoalho de cerejeira é usado por toda a casa, enquanto o carvalho é usado em alguns móveis, constrastanto com o piso. Como as paredes são curvas, móveis que não fossem detalhadamente planejados não se encaixariam direito. Os espaços de convívio estão localizados na parte inferior, enquando os espaços privados – como os quartos – estão localizados no andar superior.

Um sistema de aquecimento do piso faz com que a perda de calor seja minimizada, o que facilita a criação de grandes aberturas. Este sistema de aquecimento funciona como um bloqueador do ar frio, sendo possivel o luxo de apreciar a vista da natureza através das grandes aberturas. O sistema se integra com a arquitetura também: ” O controle central do sistema faz com que todos os equipamentos mecânicos e elétricos sejam administrados através de três botões. Ainda, o sistema biométrico de fechamento e segurança reduz a ansiedade e stress da administração da casa.”

Nada que muito dinheiro não possa pagar… Não é mesmo?

Sobretudo, a residência tem um projeto simples e estético, que combina perfeitamente com a paisagem tradicional japonesa, criando um balanço entre a futurística estrutura feita pelo homen com o entorno desenhado pela natureza. Todo o projeto levou mais de dezoito mezes para ser feito e dois anos e meio para ser completado.

Fonte: Yatzer

 

↓↓↓  Não esqueça de classificar este post!!!

Anúncios

3 responses to “Residência em forma de concha de Kotaro Ide

  1. Pingback: Monumentos abandonados vindos do futuro? | Arquitete suas Ideias·

  2. Pingback: 10 casas japonesas extraordinárias! | Arquitete suas Ideias·

  3. Pingback: A “Casa Concha” de Kotaro Ide | COTA ZERO·

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s