Curitiba é eleita a cidade mais sustentável do mundo

Premiação do Globe Forum, da Suécia, escolheu a capital paranaense pelo projeto Biocidade, que tem como objetivo reduzir as perdas da flora e fauna no meio ambiente urbano.

Imagem de satélite da cidade de Curitiba

A capital paranaense ganhou, por unanimidade, o prêmio Globe Award Sustainable City, que elege a cada ano a cidade mais sustentável do mundo. A premiação é organizada pelo Globe Forum, da Suécia. Concorriam com o município brasileiro Sydney (Austrália), Malmö (Suécia), Murcia (Espanha), Songpa (Coreia do Sul) e Stargard Szczecinski (Polônia).O Globe Award Sustainable City avaliou itens como preservação de recursos naturais, bem-estar e relação social nas cidades, inteligência e inovação nos projetos e programas, cultura e lazer, transporte, confiança no setor público e gerenciamento financeiro e patrimonial. “Particularmente, a abordagem holística com que a cidade encarou os desafios da sustentabilidade é bem delineada e gerenciada numa clara demonstração de forte e saudável participação da comunidade e integração da dimensão ambiental com as dimensões intelectual, cultural, econômica e social”, disse o júri em nota oficial.

O principal projeto apresentado por Curitiba à premiação foi o Biocidade, que integra a questão ambiental a todas as ações do Município. O programa foi lançado em março de 2007 com o objetivo de reduzir as perdas da flora e fauna no meio ambiente urbano, compatibilizando o desenvolvimento da cidade com a conservação ambiental.

Entre as ações que já foram implementadas pelo Biocidade, estão a criação da Linha Verde, parque linear com cinco mil árvores e 350 mil m² de grama, a revitalização do Horto Florestal, a recuperação de áreas degradadas pela ocupação irregular das margens dos rios da cidade, como a Bacia do Rio Barigüi, a criação de Reservas Particulares do Patrimônio Natural Municipal e o investimento em ônibus movidos a biocombustível.

“É uma vencedora muito sólida, com um plano holístico que integra todos os recursos estratégicos conectados com inovação e sustentabilidade futura”, disse Jan Sturesson, presidente do comitê de jurados do Globe Award. Além de Sturesson, participaram do júri Lawrence Bloom, membro do Programa Ambiental da ONU, Marilyn Hamilton, fundador da Integral City Meshworks Inc., C. S. Kiang, professor da Universidade de Pequim e o brasileiro Carlos Arruda, diretor de relações internacionais da Fundação Dom Cabral.

O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, recebeu o Globe Award Sustainable City no dia 29 de abril, em cerimônia no Museu Nórdico de Estocolmo. Além da premiação, Curitiba teve um espaço para exibição de seus programas e um palestrante na sessão Inovação em Cidade Sustentável da Conferência Mundial de Sustentabilidade Globe Forum, que aconteceu em Estocolmo, entre os dias 28 e 29 de abril.

Curitiba também ganha dois anos como membro especial do Globe Forum, em 2010 e 2011, e destaque nas conferências que acontecerão em Dublin, em novembro de 2010, e em Gdansk, em 2011.

Fonte: Papo de Arquiteto

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s